CNN Business (publicado em 09/09/2021)

Ex-diretor do Banco Central, avalia que presidente não tem nem entendimento de que está “jogando contra” com suas ações

O economista e ex-diretor do Banco Central Alexandre Schwartsman afirmou, em entrevista à CNN nesta quinta-feira (9), que o presidente Jair Bolsonaro não está “minimamente preocupado” com a situação da economia do Brasil.

“O Bolsonaro não está minimamente preocupado com a situação econômica do Brasil. Tanto que uma das reações de mercado aos eventos de terça-feira foi o dólar subindo, o que é um dos elementos por trás dessa aceleração inflacionária. Acredito que ele não tenha sequer entendimento disso e está jogando contra, e muito, ao piorar a situação do país”, afirmou o economista.

Ainda segundo Schwartsman, Bolsonaro não deve mudar sua postura perante a situação econômica do país, pois o foco está na eleição de 2022.

Inflação

Schwartsman disse, ainda, não ver uma solução a curto prazo para a escalada de preços. “Temos uma situação bem complicada. Então tem um trabalho grande a ser feito, e com algumas complicações no meio do caminho, porque o Banco Central está absolutamente sozinho nessa batalha da inflação mais elevada e o governo não tem colaborado.”

As contas públicas, para o ex-presidente do BC, seriam uma forma de lidar com esse problema da inflação. “A gente teria que ver um baita esforço para isso. Mas para lidar com contas públicas, precisa ter interesse, se não pelo presidente, Câmara e Senado”, avaliou.

“Pensando bem, talvez seja melhor contar com o coelhinho da Páscoa e o Papai Noel para fazerem esse papel. Em primeiro lugar, Bolsonaro teria que ter o entendimento da situação atual, o que não é realidade”, completou o economista.

Link da publicação: https://www.cnnbrasil.com.br/business/bolsonaro-nao-esta-preocupado-com-a-situacao-economica-diz-economista/

As opiniões aqui expressas são do autor e não refletem necessariamente as do CDPP, tampouco as dos demais associados.